A QUINTA DE PINDELA

É uma propriedade com cerca de 80 hectares, que abrange a totalidade de um vale na aldeia de S. Tiago da Cruz, a 5 km de Vila Nova de Famalicão, distrito de Braga.

A quinta, tipicamente minhota, é rodeada por uma vasta mata com árvores raras e centenárias, que serve de habitat a diversas espécies da fauna mediterrânea. Três árvores centenárias e de grande porte estão classificadas como de interesse público:

  • Tulipeiro-da-virgínia, 25 metros de altura e 12 metros de perímetro
  • Sequoia, 40 metros de altura e 5 metros de perímetro
  • Pseudotsuga, 30 metros de altura e 6 metros de perímetro

As origens da casa senhorial remontam ao século XV, com diversas intervenções ao longo dos tempos. A capela, dedicada a Nossa Senhora da Conceição, foi construída em 1661. No final do século XIX é acrescentada uma nova ala, completada com uma torre românica.
A casa é rodeada por um bonito jardim, típico do século XIX, com um lago e duas fontes, atravessado por um aqueduto que transporta a água proveniente de várias nascentes que existem na mata.

A casa, quinta e mata de Pindela estão classificados como Monumento de Interesse Público desde 2012.

A Quinta de Pindela recebe os seus hóspedes nas suas antigas casas de caseiros, típicas casas de lavoura minhotas, com grossas paredes de granito, mas hoje restauradas e decoradas com todo o conforto e comodidade. Aqui, os turistas podem desfrutar de total privacidade num ambiente de calma e tranquilidade.